Empresária angolana Isabel dos Santos diz que jamais recusou “prestar declarações” à Justiça angolana

A Empresária angolana Isabel dos Santos disse hoje que jamais recusou prestar declarações à Justiça angolana e que não foi notificada pela Procuradoria-Geral da República de Angola (PGR), adiantando que já respondeu à acusação do caso Sonangol.

Numa mensagem enviada à Lusa, depois de as autoridades angolanas dizerem que Isabel dos Santos se tinha negado a apresentar a sua versão dos factos de que é acusada, os advogados da empresária afirmam que é falsa a afirmação do Procurador-Geral Adjunto da República de Angola, Pedro Mendes de Carvalho, de que a empresária Isabel dos Santos foi notificada para ser ouvida, mas que preferiu não responder às questões.

“A Eng.ª Isabel dos Santos, que vive fora de Angola há vários anos (desde 2017), não foi notificada pela PGR de Angola para ser ouvida e jamais se recusou a prestar declarações à Justiça ou a colaborar para a descoberta da verdade dos factos e sua reposição”, destacam os advogados (não identificados) na nota enviada à Lusa.

Segundo o comunicado, em 22 de janeiro de 2024, Isabel dos Santos apresentou respostas e esclarecimentos à acusação relativa à sua gestão na petrolífera angolana Sonangol (com data de 11 de janeiro de 2024) no prazo estabelecido por lei de dez dias, na sequência da notificação recebida pelos seus advogados em 12 de janeiro deste ano.

Na nota refere-se que Isabel dos Santos solicitou a instrução contraditória do processo, que deu entrada no tribunal em 22 de janeiro.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback

[…] ao caso da empresária Isabel dos Santos, Hélder Pitta Groz informou que a PGR continua a aguardar pelas cartas rogatórias acusatórias […]

trackback

[…] final de fevereiro, o antigo braço direito de Isabel dos Santos, pediu ao Supremo Tribunal de Angola para ser julgado em Portugal, invocando o caso de Manuel […]

trackback

[…] Fase de instrução preparatória do processo de Isabel dos Santos, filha do ex-Presidente da República JES, sobre a sua gestão na SONANGOL, pode ficar concluído […]

trackback

[…] empresária Isabel dos Santos é alvo de processos judiciais em vários jurisdições além de Angola, incluindo […]