Angola: Abel chivukuvuku é eleito para dirigir o partido Bloco Democrático nas “eleições de 2022” por antecedência

0
144
A eleição do político Filomeno Viera Lopes a presidência do Bloco Democrático na convenção a ser realizada a 28 deste mês, visa indicação de Abel Epalanga Chivukuvuku, como candidato daquele partido para as eleições de 2022, conforme uma resolução sigilosa que O Decreto teve acesso.Documento Sigiloso espelha como Chivukuvuku vai ser eleito candidato do Bloco Democrático para eleições de 2022

A intenção de Filomeno Viera Lopes nota-se igualmente em entrevistas que vem dando na digressão que faz pelo país, em campanha para ser eleito presidente do Bloco Democrático, onde anuncia estar aberto para acomodação de Chivukuvuku.

Com o titulo “RESOLUÇÃO Nº 10 DO CONSELHO NACIONAL, SOBRE O ACORDO COM O PRA-JA Servir Angola e seus reflexos na Convenção do Bloco Democrático” o documento de carácter secreto, no seu ponto 3.8.1. descreve: “Eleger em Convenção o membro Abel Chivukuvuku como candidato do BD para as eleições de 2022, com amplos poderes e autonomia de trabalho para o melhor êxito eleitoral da estratégia do Partido”.

RESOLUÇÃO Nº 10

Com a eleição de Abel Chivukuvuku a Candidato do Bloco Democrático para eleições de 2022, a Frente Patriótica englobando três forças políticas angolanas ficará apenas O BD e UNITA, dando assim o fim desta iniciativa.

Com o lema ‘’Angola em primeiro lugar’’, O PRA-JA de Chivukuvuku, BD e a UNITA falavam na preparação de uma frente patriótica capaz de avançar para coligação eleitoral, instrumento apontado para acabar com o que elas chamam de 45 anos de governação do MPLA.

Recorda-se que com a indicação de Abel Chivukuvuku como cabeça de lista do BD, serão inseridos nas estruturas deste partido, todos os membros vindos do PRA-JA: “Ampliar os cargos electivos unipessoais com membros do PRA-JA, ampliar os órgãos deliberativos e estabelecer quotas para os membros do PRA-JA; Adoptar o princípio generalizado da coadjuvação para os cargos Executivos de Gestão; ampliar e prover os órgãos de nomeação com quotas para os elementos do PRA-JA” Lê-se no documento.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here