Angola: Carta Aberta á “Mano Mário da Silva Katapi”

0
230
AO
 
Mano Mário da Silva Katapi
 
Assunto: COMUNICAÇÃO.-
 
Sirvo-me desta para informar que por orientação expressa da sua Majestade NGOLA KILUANJE KIA-SAMBA, que se encontra nas montanhas do Phungua-A-Ndongo, orienta fazer o seguinte:
 
1. Convocar a Imprensa estrangeira e dar a conhecer que tudo que está a passar em Angola e em Cafunfo, o NGOLA KILUANJE KIASAMBA, tem acompanhado com certa mágoa;
 
2. Que Angola, nunca existiu como País e, tem a ver com o nome de NGOLA KILUANJE KIA-SAMBA, que ele próprio deu aos portugueses que transformaram em nome do país;
 
3. Matamba e Mujinga, são seus sobrinhos que tinha deixado em Loanda;
 
4. Que foi o NGOLA KILUANJE KIA-SAMBA, que distribuiu as terras aos seus familiares, com poderes específicos como estados federados, que os portugueses unificaram e criaram Angola;
 
5. Foi o NGOLA KILUANJE KIA-SAMBA, que enviou NGUNGU NHIANA em Moçambique, TCHOMBO em Gabão, ZULU na África do Sul, MALANGA no Zimbambwe, CAZEMBE na Zâmbia, YANVOA em Katanga, KAYAMBI no Vié Ya Tembo, MANDUME no Lubango, KWANHAMA no Kunene, UNONGE no Kuando-Kubango, IKUIKUI no Bailundo, NGUNZA CAPOLO no Kuanza-Sul e, tantos outros.
 
6. Que a independência de Angola tinha que ser dada ao NGOLA e não aos actuais elementos que matam o povo, que ele não conhece;
 
7. Para que haja uma verdadeira Democracia NGOLA KILUANJE KIA-SAMBA, tem que voltar em Luanda, onde os portugueses, tem que estar presentes, assim como os Ingleses, Franceses, Espanhóis, Belgas, Alemãs, Italianos, Igreja Católica, 7º Dia e Protestante;
 
8. Esta conferência de Imprensa, tem que ser feita até 4ª feira sem falta (Urgente)
 
9. Kuambuluila Tchombo mumuluzo.
 
É tudo obrigado!
 
Lunda, 22 de Fevereiro de 2021.
 
O PORTA-VOZ
 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here