Angola: Chinês detido em Luanda com 52 tampas de sarjetas e “cabos elétricos roubados”

0
182
Um cidadão chinês foi detido pelas autoridades policiais angolanas, no município de Viana, arredores de Luanda, por se dedicar à suposta compra de tampas de sarjetas e cabos elétricos roubados. 

Uma nota de imprensa do Serviço de Investigação Criminal angolano refere que a detenção foi realizada no âmbito da “Operação Faísca”, levada a cabo pela direção central de Combate aos Crimes Contra o Património.

Trata-se de um cidadão chinês, de 33 anos, responsável da empresa “Ferforte Comércio Geral Lda”, que foi encontrado na posse de 52 tampas de sarjetas, com a inscrição “Governo Provincial de Luanda” e mais de 3.000 metros de cabos elétricos, de diversos tamanhos, perfazendo 42 rolos, “com sinais visíveis de terra em volta, com fortes indícios de ter sido bens vandalizados na via pública, e nove carris de caminhos-de-ferro”.

De acordo com a nota, as tampas de sarjetas apreendidas foram subtraídas nas novas centralidades habitacionais do Sequele, Kilamba e Zago-0.

“Da entrevista preliminar realizada ao detido, pode-se concluir que se trata de um recetor e que o material em causa seria derretido na empresa Ferfote, a fim de produzir-se varões para ser comercializado a posteriori”, salienta o comunicado.

O cidadão detido foi já presente ao Ministério Público, que ordenou a sua prisão preventiva, decorrendo ainda diligências para se determinar e deter outros envolvidos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here