Angola: Economista Ivan Jinga questiona como teve a TPA acesso a informação para o “banquete”

0
336

O “Banquete” – a série da Televisão Pública de Angola (TPA) que denuncia alegadas acções corruptas de conhecidas figuras ligadas ao regime de José Eduardo dos Santos, é posta em causa pelo economista Ivan Jinga.

 
Para o analista, se no caso do Luanda Leaks a informação foi o pirata Rui Pinto, no caso do “Banquete”, questiona como teve a TPA acesso a informação?
 
Para si, no caso Luanda Leaks foi atacada uma empresária, um conjunto de gestores, a PWC, bancos, advogados e etc. “E no caso “O Banquete” Por que será que ninguém questiona onde estão os advogados, os contabilistas, os gestores, os bancos, as empresas que definitivamente foram as beneficiárias efectivas e coadjuvantes em todo o processo”, indiga.
 
“Também gozam de imunidade? Não há aí um consórcio de 100 jornalistas ou pelo menos 10 para investigar tudo isto? Tudo entalado”, remata.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here