Angola: Escolha de candidato a Vice-PR em 2022 agita MPLA

0
364
João Lourenço (JL) está aplicado em reforçar o seu poder e influências no aparelho do MPLA, convencido de que é diminuto o apoio e/ou a lealdade da direcção do partido à sua pessoa, enquanto líder do mesmo, cenário susceptível de comprometer o seu futuro político, tendo em conta o papel determinante do partido como centro de poder político.

A perda de popularidade de JL (AM 1266) é comumente considerada reflexo dos efeitos sociais negativos da crise económico-financeira em que Angola se encontra, avultando entre eles o crescimento do desemprego e o constante aumento do custo de vida, mas também da ideia generalizada de que o seu prometido combate à corrupção falhou.

É a substituição de Luísa Damião como vice-presidente do MPLA que de momento concentra as principais atenções de JL nos seus esforços para reforçar o seu controlo do partido. É internamente considerada uma evidência que JL tem vindo a “pôr de parte” a ainda vice-presidente (por ele próprio escolhida e até há pouco apontada como sua apoiante).

Apontado como gozando do favoritismo de JL para substituir LD na vice-presidência do partido é Virgílio Fontes Pereira (VFP) um quadro de reconhecida experiência política e governativa, acumulada no período de JOSÉ EDUARDO dos SANTOS, que tem vindo a ganhar importância na bancada parlamentar do MPLA, tendo a seu cargo o projecto da reforma do Estado (AM 1267).

JL tem revelado apreço pelo trabalho de Adão de Almeida, que aliás promoveu em ABR. de ministro da Administração Interna (MAT) ao actual cargo, no qual tem representado o PR, sinal da confiança pessoal depositada por JL. Apesar da sua juventude, AA possui já longa experiência em funções de Governo, desde o tempo de JES, mas a possibilidade de ultrapassar outras figuras de maior peso político – e capacidade de enfrentar a sua possível hostilidade – é considerada factor contrário à sua escolha.

Outra alternativa a VFP é Carolina Cerqueira, ministra de Estado para a Área Social, com maior experiência, cujas competências têm também vindo a ser reforçadas por JL.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here