Angola: Jornalista atacado por “cão solto pela polícia durante manifestação no Cunene”

0
943
Um jornalista da rádio Ecclesia em Ondjiva, capital da província angolana do Cunene, foi hoje atacado por um cão, solto por um polícia, para dispersar um grupo de manifestantes, anunciou a emissora católica.

Em comunicado, a rádio Ecclesia refere que o jornalista, que se encontrava a fazer reportagem da manifestação “de jovens insatisfeitos com as condições de vida”, ficou ferido na coxa esquerda.

“Perante este facto, a Rádio Ecclesia de Ondjiva manifesta a sua enorme indignação pelo sucedido e recomenda que seja responsabilizado, civil e criminalmente o autor da soltura dos cães, já que tal procedimento se configura como sendo um abuso de autoridade”, refere.

Na nota, assinada pelo diretor, padre Gaudêncio Yakuleinge, a emissora católica diz aguardar que os órgãos responsáveis tomem as medidas que se impõem, em virtude de a manifestação ter sido pacífica, conforme consagra o número 1 do artigo 47 da Constituição da República e pelo facto de o jornalista estar no exercício das suas funções.

A polícia angolana impediu hoje uma manifestação, em Luanda, de jovens que pretendiam exigir a alternância política no país, considerando que o Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) já está há demasiado tempo no poder (45 anos).

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here