Angola: Lojas passam a disponibilizar “dinheiro” como ATM

0
682
O Banco Nacional de Angola (BNA) autorizou os estabelecimentos comerciais com TPA (Terminal de Pagamento Automático) a disponibilizar dinheiro aos clientes que solicitarem, no sentido de aliviar a pressão sobre a Caixa Automáticos (ATM).

Essa medida, vem expressa nota de imprensa do BNA (directiva n.º 12/2021, 14 de Setembro), que a ANGOP teve acesso esta quinta-feira.

O documento determina que qualquer comerciante, em posse de um TPA, pode ser um agente de dispensação de numerário, a partir de um contrato celebrado com do seu banco comercial.

“Para o efeito, devem os estabelecimentos comerciais, interessados, celebrar um contrato com o seu banco comercial de apoio, com o objectivo de activar a funcionalidade de levantamento em TPA”, esclarece a directiva.

O comunicado indica que o objectivo é garantir que os clientes tenham o direito a realizar operações de levantamento de dinheiro e pagamentos de bens e serviços de forma electrónica.

É posição do BNA fundamentada no facto de, nos últimos meses, se constatar elevada procura por numerário (notas e moedas metálicas), principalmente, no final de cada mês.

“ Os ATM figuram como o canal preferencial de levantamento de numerário, que resulta na formação de longas filas por parte dos cidadãos que pretendem ter acesso a numerário”, lê-se na nota.

Esta medida resulta, refere o documento, de uma concertação entre o BNA e a EMIS (Empresa Interbancária de Serviços) e a Associação Angolana de Bancos (Abanc), que criaram as condições necessárias para que os cidadãos possam a fazer levantamentos de numerário por via de Terminais de Pagamento Automático (TPA).

“Prover o consumidor bancário com canais cómodos e seguros alternativos aos ATM e agências bancárias”, sublinha o BNA na nota de imprensa.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here