EUA: ExxonMobil apoia “Angola” com um milhão de dólares para desenvolvimento comunitário

0
156
A petrolífera ExxonMobil Angola anunciou, para este ano, um milhão de dólares (825 mil euros) para a implementação de programas de desenvolvimento comunitário no país africano, nomeadamente a malária, principal causa de morte de angolanos

Um comunicado da multinacional dos Estados Unidos da América, distribuído hoje à imprensa salienta que o valor disponibilizado visa também apoiar as oportunidades de desenvolvimento económico das mulheres e preservar a Palanca Negra Gigante, símbolo nacional.

A ajuda financeira será realizada através de projetos de organizações não-governamentais, nomeadamente a Ajuda ao Desenvolvimento de Povo para Povo (ADPP), Africare, CORE Group, Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), Counterpart International/WomenLead e a Fundação Kissama.

“Acreditamos que o nosso compromisso com estes programas sociais em Angola ajuda a promover uma mudança positiva nas comunidades locais e a melhorar a vida das pessoas”, referiu Kevin Murphy, presidente da Fundação ExxonMobil, citado no comunicado.

A ExxonMobil é um dos maiores contribuintes privados na luta contra a malária em Angola e desde 2003 a Fundação ExxonMobil apoiou com mais de 35 milhões de dólares (28,8 milhões de euros) o financiamento de programas para erradicar a malária, uma doença evitável e tratável.

No que se refere ao apoio à mulher, a petrolífera norte-americana realça o trabalho da ADPP e a Counterpart International no sentido de promover e equipar com ferramentas este grupo, “para fazer a diferença no desenvolvimento social e económico das suas famílias e comunidades”.

A ExxonMobil continua a apoiar os esforços de conservação do Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente para a preservação da Palanca Negra Gigante, através da sua contribuição para o programa de investigação da Funda ção Kissama, agora no seu décimo quinto ano.

“Desde que iniciamos as nossas operações no Bloco 15 de Angola, em 1994, temos estado empenhados em apoiar o desenvolvimento económico e social a longo prazo do país”, disse Melissa Bond, diretora-geral da ExxonMobil Angola, citada na nota.

As contribuições para 2021 foram asseguradas pela Fundação ExxonMobil e pela Exxon Mobil Corporation, aclara o documento, salientando que a ExxonMobil já investiu mais de 100 milhões de dólares em programas comunitários em Angola.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here