Jovem dá testemunho de como escapou ser assassinado por agentes da PIR

0
255
Venho por esta via informar sobre o meu estado de saude e agradecer os esforços de toda a gente do bem que salvou-me a vida ontem dia 24 de Outubro, um dia que ficou marcado na minha vida.

NOTA DE AGRADECIMENTO

Neste momento o meu estado de saúde é estável. Estou com fortes dores e lesões no ombro e braço direito que mal consigo movê-lo, bem com na perna direita. Fui ontem submetido a uma cirurgia na clínica Santo Antonio e levei 10 pontos fruto da surra que me foi infringida pelos agentes da PIR. Fiquei inconsciente por muito tempo e o ferimento foi tão profundo que segundo a médica em serviço foi por pouco que o meu crânio não foi perfurado, o que resultaria num traumatismo craniano.

Contudo, venho primeiramente agradecer a doutoura Bitencourt, por me ter salvado a vida, por me esconder na clínica quando por 3 vezes agentes do SINSE e os langas contratados pelo MPLA estiveram lá para me levarem sei lá onde. Ela teve de mentir que eu já não estava lá. Doutora o meu muito obrigado.

Ao meu mano e companheiro de luta Papusseco que esteve comigo na clínica sem nunca me abandonar desde as 11h até ao momento da alta. Meu irmão muito obrigado de coração.

Ao companheiro de luta Nito Alves e outro mano desconhecido que tiverem que me carregar às costas quando de tanto perder sangue já não conseguia caminhar, os meus sinceros agradecimentos.

Ao irmão e companheiro Mwanangola que logo que soube do meu estado dirigiu-se a clínica.

Muito obrigado.

João Lourenço este país não é do teu pai nem da tua mãe, é dos angolanos. O senhor é um servidor público e deve governar em prol do bem estar social e económico do povo. Os porretes dos seus capangas só fortalecem mais a vontade desta juventude de se livrar da tua ditadura e do teu MPLA.

Já demonstramos de mil maneiras que medo nem de ti nem de ninguém nós temos. A nossa coragem é a única arma que usaremos para nos defendermos dos teus canhões,cães, porretes..mas não te esqueça que esta é a arma mais poderosa do mundo.

Liberdade já aos detidos.
Juventude é agora.

Geraldo Mwêne Ndala

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here