Portugal: Embaixador e cônsul-geral apelam ao “registo eleitoral” dos angolanos

0
204
O embaixador de Angola em Portugal e a cônsul-geral inauguraram hoje em Lisboa o registo eleitoral oficioso dos angolanos na diáspora, que lhes permitirá votar pela primeira vez fora do país, tendo ambos apelado à mobilização da comunidade.

“Nós damos início a um ato muito importante para a diáspora angolana, nomeadamente para os angolanos que se encontram viver em Portugal. É a primeira vez que os angolanos na diáspora votam para eleger os seus representantes”, disse o embaixador, Carlos Alberto Fonseca.

A cônsul-geral de Angola em Lisboa, Vicência de Brito, disse tratar-se de um ato “histórico” e apelou a todos aqueles que participaram no evento — representantes dos partidos angolanos, de associações da comunidade angolana e das confissões religiosas que lidam com a comunidade – para que sejam “ativistas para mobilizar” as comunidades angolanas residentes em Portugal a registarem-se.

Também o embaixador deixou “um apelo e uma mensagem (…) a todos os angolanos que se encontram em Portugal” para que participem no registo eleitoral oficioso, que decorre até 31 de março, para poderem votar nas eleições gerais em Angola, que estão previstas para este ano.

 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments