Petrolífera Estatal de Angola, Sonangol E.P. e Azule Energy assinam acordo para fomentar “descarbonização em Angola”

0
385
A Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol) e a Azule Energy assinaram hoje em Luanda um memorando de entendimento para “impulsionar iniciativas de descarbonização no país e promover o uso de energias limpas”.

“Os principais objetivos que norteiam a assinatura deste memorando incluem a identificação de interesses comuns no processo de descarbonização, o estabelecimento de uma estrutura robusta para avaliar os possíveis pontos de colaboração e a exploração de oportunidades de projetos de energias renováveis como a solar e eólica, negócios de baixo carbono, hidrogénio azul, e soluções baseadas na natureza, como conservação florestal e a promoção do uso de fogões eficientes”, lê-se no comunicado enviado à Lusa.

De acordo com o texto, assinado durante a Conferência Angola Oil & Gas, que decorre esta semana em Luanda, a parceria hoje anunciada vai também “realizar estudos conjuntos sobre impostos e créditos sobre emissões de carbono, e ao mesmo tempo promover a existência de legislação nacional mais clara e melhores práticas no setor”.

Citado no comunicado, o CEO da Azule Energy, Adriano Mongini, afirmou que “o processo de descarbonização é parte da missão da Azule Energy, com o intuito de fortalecer o setor energético angolano, ao mesmo tempo que o país trabalha para atingir a neutralidade carbónica e outros objetivos de desenvolvimento sustentável”.

A Azule Energy é uma empresa sedeada em Angola e produz cerca de 220 mil barris de petróleo, apoiando Angola no desenvolvimento do setor energético e na sua transição para fontes mais limpas, lê-se ainda no comunicado, que não especifica os termos do memorando.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments