Angola: Advogado Zola Bambi denuncia “adiamento do julgamento sem justificação”

0
305
Zola Bambi
O julgamento sumário de 11 activistas detidos na sexta-feira, 8, durante uma manifestação no município do Cazenga, em Luanda, contra o que consideraram de vandalização do muro da cidadania, foi adiado para amanhã.

Eles são acusados de invasão e vandalismo de propriedade do Estado.

Entretanto, o adiamento do julgamento não foi justificado, de acordo com o advogado de defesa dos activistas.

“Sem justificação plausível”, disse Zola Bambi, que acusa as autoridades de tudo fazer para que “não haja uma defesa condigna dos detidos”.

Por seu lado, o porta-voz da Polícia Nacional em Luanda, Nestor Goubel, justifica a detenção dos activistas por terem vandalizado a administração municipal.

“Um grupo denominado Plataforma Cazenga em Acção esteve na sexta-feira a se manifestar na administração, infelizmente invadiram e vandalizaram a administração por isso foram detidos e levados nesta segunda-feira, ao tribunal”, afirmou.

Onze activistas foram detidos no sábado quando faziam um protesto no município do Cazenga.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here