Angola: Angola 45 anos de Independência: “Má gestão influenciou negativamente na construção de uma Angola para todos”

0
356

Quando o país celebra mais um aniversário desde a proclamação de independência a 11 de Novembro de 1975, o deputado Lindo Bernardo Tito, reconheceu em Luanda, que a guerra teve uma influência muito grande, mas, disse compreender que a má gestão influenciou negativamente na construção de uma Angola para todos.

O deputado que falava no conhecido espaço de análise sociopolítica da estação de rádio (MFM), disse ainda, que ao longo dos 46 anos, houve a construção de um estado independente com uma soberania própria, mas, que não foi construído um atestado para todos.

“ Infelizmente, ainda não conseguimos construir uma nação, onde cada não podia ser integrado mesmo mantendo cada uma dessas nações, a sua própria identidade cultural, a sua essência como nação cultural”, sublinhou.

Já o deputado do MPLA Nvunda Salucombo,  reconheceu que os estados são criados por várias gerações, mas, defende a importância de as novas gerações deixar também um legado a semelhança dos movimentos (FNLA, UNITA e MPLA) que lutaram para a existência de uma república soberana e independente.

“A geração que nos antecedeu com a de Agostinho Neto, Jonas Savimbi e Holden Roberto de certeza iam conseguir criar todas as condições que um Estado deve ter”,  afirmou tendo sublinhado que as várias gerações têm de deixar um legado no sentido de se consolidar as instituições e criar a nação.

Sob os 45 anos, de independência, o Jornalista Graça Campos, disse estar com dificuldades com a idade que tem, de encontrar elementos que o deixam orgulhoso do País.

“ Esses 45 anos de independência seriam idade suficiente para tornar um País, decente. Nós não conseguimos isso, de modos que eu tenho muitas dificuldades de encontrar elementos que me torne orgulhoso do meu país. Nos tornamos num País no mundo primeiro pela guerra e depois pela corrupção”,  apontou o jornalista versado em questões políticas.

Recorde-se que a Independência de Angola foi proclamada no dia 11 de Novembro de 1975, pelo  primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here